19 de jan de 2013

UM RECONHECIMENTO A TERAPEUTA BRASILEIRA.


Photo Cube Generator






Boa tarde!!!
Bauru 19 de fevereiro de 2013.

Uma terapia que motiva!!!


A terapia motivacional encarrega-se de melhorar a forma como as pessoas percebem sua própria capacidade para superar obstáculos e dificuldades. O método envolve compreender as emoções misturadas que as pessoas sentem, quando estão prestes a enfrentar mudanças. O papel do terapeuta motivacional é ajudar os pacientes a reconhecer esses sentimentos contraditórios e a discuti-los, de tal forma que consigam pender a balança para o lado da transformação. Mudar um comportamento problemático – por exemplo, um vício, um distúrbio alimentar ou uma forma de ansiedade social – pode parecer difícil e causar ansiedade, porque em geral envolve sair da “área confortável” com a qual o paciente está habituado.


Como funciona a terapia motivacional?

A terapia motivacional tem como objetivo melhorar a percepção que as pessoas têm de suas próprias capacidades, aumentando a confiança em sua própria habilidade para recorrer a recursos e forças, na superação de obstáculos e dificuldades. Depois de cada sessão, os pacientes acostumam-se gradativamente às sugestões motivacionais feitas pelo terapeuta, e começam a confiar nelas. Uma das técnicas consiste em ensinar o paciente a visualizar alguma coisa que lhe traga uma sensação de poder, para que consiga transformar suas próprias expectativas em realidade.



Quando é recomendável usar a terapia motivacional?

Além do tratamento de vícios e distúrbios alimentares, a terapia motivacional também pode ser usada para:

- Superar fobias e medos.

- Reduzir o estresse.

- Construir uma atitude mental positiva.

- Desenvolver a consciência das próprias capacidades físicas e mentais.

- Desenvolver o autocontrole.

- Melhorar a habilidade para falar em público.

- Estabelecer e alcançar objetivos pessoais e profissionais viáveis.

- Melhorar a aparência, a auto-estima e a saúde como um todo.

A terapia motivacional também é muito popular entre os atletas de alto nível, que utilizam suas técnicas energéticas e fortalecedoras, para mudar sua mentalidade e melhorar seus desempenhos.








Filantropia contra o câncer marca registrada no trabalho de Renata Cardoso.

Este ano esta completando 20 anos que foi reconhecido  pelo Instituto Nacional do
Câncer(Inca), do ministério da saúde;A Pesquisa "A Melhor solução pós Quimioterapia"
de autoria de Renata Cardoso realizada por 4 anos   em conjunto com a equipe Multiprofissional do hospital Amaral Carvalho de Jaú SP. foi editada e publicada na 
Revista médica brasileira de cancerologia (1993-39,pag.227a231) pelo (INCA RIO DE JANEIRO)



Desabafo sincero de Renata Cardoso

No mundo de hoje temos visto o aumento constante das divergências entre as pessoas, muitas vezes provocadas pelo egoísmo desenfreado e pela busca exagerada por fama e riquezas. Alguns valores como a competitividade e o individualismo têm sido cada vez mais freqüentes no nosso dia-a-dia, o que conseqüentemente acaba distanciando as pessoas umas das outras. Mas, contrariando tudo isso, desde jovem fui preenchida por um desejo enorme de querer ajudar os outros. Assim, sempre pautei minha vida em exemplos de altruísmo e abnegação, ou seja, desde minha mocidade tenho dedicado meu tempo e minhas forças para amar, ter compaixão e acolher o próximo que necessita de auxílio. Fiz isso pensando em levar esperança e força para todos aqueles que estivessem à minha volta. Busquei inspiração na vida muitas pessoas boas que tive o prazer de conviver e de muitos personagens do passado que viveram em lugares distantes, em outros países, mas que fizeram a diferença nesse mundo. Entre as boas referências que busquei me espelhar posso citar: Jesus Cristo, Chico xavier, Buda, Mahatma Gandhi e Madre Tereza de Calcutá. Sou uma cristã fervorosa, mas não limito minha obra a nenhuma denominação religiosa, pois os princípios que movem minha vida e meu trabalho são: o amor, a fé, a compaixão e a esperança, o que justifica meu empenho em ajudar a todas as pessoas indistintamente. Tenho uma satisfação enorme em ajudar outras pessoas. Fazendo caridades e promovendo a filantropia, sinto-me iluminada por valores e sentimentos nobres – é como se eu trouxesse um pouco do paraíso para perto de nossa comunidade. Sei que é muito fácil para qualquer pessoa amar parentes, amigos, vizinhos e pessoas próximas. Não é preciso muito esforço para admirar pessoas boas, entender o comportamento dos inteligentes, estar ao lado dos sadios, defender os nobres e justos e exaltar os nossos ídolos queridos. Mas, poucos são aqueles que param para atender os aflitos, visitar os enfermos cuidar de doentes terminal de câncer servir como um anestésico para a morte de muitos como sempre fiz em leitos hospitalar , , oferecer abrigo aos desconhecidos, perder tempo com as pessoas injustas e más. Verdadeiramente sempre procurei agir diferente, pois nunca vivi segundo as regras desse mundo. Durante todos os dias de minha vida busquei dar de comer a qualquer um que tivesse fome e ofereci água a todos que estivessem sedentos. Foram muitas as vezes que tirei parte de minha renda para comprar roupas para pessoas carentes, e foram inumeráveis as vezes que dei pousada a desabrigados e peregrinos. Passei noites em claro ao lado de enfermos e doentes, sempre dedicando-lhes consolo e afeto. Recorrentemente, visitei hospitais e asilos para levar uma palavra amiga para aqueles que já se encontrava  fragilizado de saúde e carente de afeto , desprezados e excluídos do convívio social,. O meu coração sempre esteve disposto a perdoar as ofensas e jamais guardei mágoas de quem quer que seja, pois procurei pautar minha vida no amor verdadeiro.Ao de longo de todos esses anos, minha casa e meu trabalho sempre estiveram diuturnamente abertos a todos. Qualquer um que quisesse me ajudar, amigo, empresário, funcionário publico, é sempre bem-vindo. Já fui procurada por muitos políticos de diversos partidos diferentes, mas sempre tratei a todos da mesma maneira, pois independente da ideologia do partido, sempre usei a sabedoria divina para nunca me deixar ser manipulada pelo jogo da filantropia da politicagem. Ao invés disso, procurei sensibilizar todos os corações de empresários, políticos de todas as siglas e a comunidade em geral para apoiarem essa causa que não é minha, mas de todos aqueles à quem dediquei minha vida. Entendo que o amor verdadeiro é um processo diário de construção; uma busca constante para atender o próximo como gostaríamos de ser atendidos. Amar de todo coração é buscar ver sempre o lado bom das coisas; é querer multiplicar as alegrias, somando bondades e afeto e subtraindo males e dores. Amar é plantar esperança e fé, dividindo felicidade e levando satisfação para todas as pessoas que estão à nossa volta !!!

Bauru 11 de fevereiro de 2013
Renata Cardoso



Custom Glitter Text



ESTE ANO DE 2013 COMPLETA 20 ANOS QUE O TRABALHO DE RENATA CARDOSO FOI RECONHECIDO INTERNACIONALMENTE. 1993-2013

RESEARCH
"The Best Solution Post Chemotherapy and Post Cranial Radiotherapy" was developed in Brazil by Renata Cardoso together with Doctors, Psychologists and social Asistente who worked with 




the researcher in the hospital Foundation Dtr. Amaral Carvalho Jhaú in a hospital that meets in the state of São Paulo by Brazil SUS doing so Renata Cardoso stay Recognized as Dtr. "D" soul "a title to the recognition of Brazilian therapist who also received other awards entitled" High Social Humanitarian Die ".


TEXTO TRADUZIDO A PESQUISA
"A Melhor Solução Pós Quimioterapia e Pós Radioterapia Craniana " foi desenvolvida no Brasil por Renata Cardoso em conjunto com Medicos, Asistente social e Psicologos que atuaram com a pesquisadora no hospital  Fundação Dtr. Amaral Carvalho em Jhaú um Hospital que atende no interior do estado de São Paulo pela rede SUS Brasil fazendo assim Renata Cardoso ficar  Reconhecida como Dtr. "D"alma" um titulo aõ reconhecimento a Terapeuta Brasileira que recebeu tambem outros premios intitulados "Alto Cunho Social Humanitario" 




 ACOMPANHE AQUI ESTA SEMANA TODO TRABALHO  DE RENATA CARDOSO QUE TORNOU-SE RECONHECIDA INTERNACIONALMENTE. 19/1/2013.


 ola a todos...
Bauru 7/2/2013.

Desculpe pois como tinha prometido que a semana que passou iria postar para vocês e não foi possível por motivos pessoais estou voltando aos poucos e vou postando aqui. tudo bem?






 floral para os estados depressivos


Quando observo pessoas deprimidas a primeira coisa que noto é que falta brilho em seus olhos. Falta luz em seu semblante. Isto porque elas perderam a conexão com sua luz interior, com sua essência mais verdadeira, que poderia manter acesa a chama do entusiasmo pela vida. Entre os que se sentem depressivos existem aqueles que fizeram concessões demais, até perderem-se de si mesmos; outros se perderam em sentimentos de culpa, até não terem mais certeza de que mereciam a felicidade.
Alguns se equivocaram por muito tempo nutrindo sentimentos de raiva e de vingança, de tristeza, inveja, mentiras, ciúmes, pena de si mesmos, ou cultivando disputas de vaidade, até não mais encontrarem sua força original. Em comum, todos perderam a noção de quem são, no mais profundo de seu ser, desconectaram-se da fonte de força nutridora que possuem e assim desviaram-se de seu caminho natural, aquele que os conduziria à felicidade.
Qual é esse caminho de que falo?


É o caminho da autenticidade, que só o exercício do amor por si mesmo confere. Neste contexto ser autêntico é estar plenamente em contato com seu eu divino, com sua alma, descobrindo seus talentos únicos, especiais e com coragem, expressando-se através deles na Terra, sendo verdadeiro para consigo. Quanto bem estar e alegria genuínos são gerados na expressão da autenticidade! Somos expressões de amor, e ao nos lembrarmos disso podemos constatar que nossa natureza é gentil, repleta de compaixão e de entusiasmo, porque essa nossa natureza essencial esta correlacionada à existência da vida universal, e isto envolve trocas dinâmicas e inter-relacionamentos fraternos. Estamos na Terra para nos lembrarmos de quem somos, para amar e servir e através disso sermos felizes.
As pessoas que se deprimem, olham para a vida através das lentes obscuras do negativismo e da tristeza, e deixam de olhar para o mundo de oportunidades e possibilidades que gira ao seu redor. Por outro lado também não conseguem olhar para si sob uma perspectiva mais ampla, analisando de forma mais abrangente seu próprio mundo interior a fim de descobrirem motivos de felicidade que tenham. Aqueles que se encontram depressivos perdem a noção exata do sentido da vida.
Isto porque ficam aprisionados em algum conteúdo de resistência, de não aceitação e dor. Sabe aquela expressão que diz que o fulano só consegue olhar para o seu próprio umbigo, ela pode ser aplicada nestes casos, pois o deprimido fica obcecado por seu infortúnio, por seu sofrer, e não consegue enxergar mais nada à sua volta ou em si mesmo que não seja sua dor. E perdendo assim a conexão consigo mesmo, com a saúde possível em si, perde também a conexão saudável com o mundo. A saída, é buscar estimular a memória sobre sua destinação e sobre sua real essência, que é espiritual, imortal e repleta de amor, além de tentar sair desta prisão emocional em que se encontra através da interação amorosa com a vida e com as outras pessoas, inclusive.Realizar trabalhos voluntários é aconselhável, porque o sentimento de utilidade traz imenso bem estar emocional e melhora a auto-estima. O que é um ótimo antídoto para a depressão. Incluir ocupações prazerosas ajuda muito nestas horas. Assistir comédias, ouvir músicas alegres, conversar sobre assuntos leves, cultivar o riso, exercitar a amizade, estar com quem se ama, cuidar do jardim, fazer caminhadas, praticar algum exercício físico, bem como cantar ou dançar.  É evidente que quem está em depressão não tem vontade de fazer nada disso, mas deve se esforçar ou ainda se forçar a incluir mais prazer em sua rotina.
Um caminho indevido, para sair da depressão, é o de tentar chantagear os familiares para se responsabilizarem pelo retorno de seu bem estar. Esta responsabilidade é pessoal e intransferível.
Sair de um estado depressivo sozinho nem sempre é fácil, por isso é importante que se procure ajuda profissional, bem como buscar o apoio da família. Mas o que mais conta é a conduta e a determinação interior.
Muitas pessoas que sofrem de depressão também necessitam de tratamentos espirituais. Não que a depressão seja ocasionada pelos distúrbios espirituais, mas eles se tornam agravantes dos quadros depressivos. Os problemas espirituais só acontecem porque permitimos, e muitas vezes a sintonia com estas entidades espirituais sofredoras se faz através do nosso mau humor, das raivas, das culpas que cultivamos, das tristezas que teimamos em cultuar dentro de nós, entre outras coisas.
Nestes casos, semelhante atrai semelhante, e podemos nos ver envoltos por vibrações negativas que atraem entidades espirituais com a mesma sintonia vibratória. Hoje em dia, a psiquiatria e a psicologia trans pessoal  bem como a Terapia Floral, estudam estes casos de depressão e outros distúrbios graves do psiquismo associados à mediunidade e à obsessão espiritual. Isto não quer dizer que fazendo um tratamento espiritual a pessoa sare de vez da depressão. Se não se cura a origem da depressão que é sempre íntima, ela pode voltar, após uma melhora, bem como os problemas espirituais. Mas esse tipo de tratamento conjugado aos florais, e a outros que se façam necessários, além de um esforço por uma renovação interior, traz um aceleramento ao processo de cura.  Existe uma grande procura dos deprimidos, dos desmotivados e dos tristes pelos florais. Isto porque existem muitas essências florais que cuidam destes estados emocionais, e todas elas realmente estimulam uma vida mais consciente, mais vibrante, mais cheia de entusiasmo e motivação. Para se escolher a essência floral mais indicada e eficaz para cada caso, individualmente, deve-se recorrer a um Terapeuta Floral, ou ainda, seguindo a filosofia do Dr. Edward Bach, criador das primeiras essências florais, escolher para si mesmo os florais mais adequados, após uma análise clara e objetiva de sua forma de pensar e sentir a vida. Também se pode recorrer, para isto, a métodos intuitivos, desde que se esteja treinado ou habituado a fazer um bom uso da intuição. Muitas pessoas quando tomam os florais pela primeira vez acham que as essências vão funcionar entorpecendo as emoções, ou seja, acham que vão anestesiar os sentimentos e que por isso irão parar de sofrer.
Mas eles não funcionam desta forma.Os florais desfazem bloqueios de comunicação entre a alma e a personalidade, fazendo com que qualidades que estavam dormentes em nossa alma, despertem e irradiem até nossa personalidade. Assim passamos a acessar aquilo que necessitamos para mudar nosso quadro de sofrimento, como força, entusiasmo, adaptabilidade, coragem, alegria e esperança, amor por quem somos, perdão, gratidão, e quando tomamos posse destas virtudes, aquilo que em nossas personalidades nos fazia sofrer perde seu poder, se modifica, na presença do bem que surge em nós. Pode-se dizer também que a energia luminosa destas virtudes limpa nossos corpos etéricos, de dentro para fora, diluindo ou ainda transmutando nossa energia psíquica de sombria para iluminada.
Quando usamos as essências florais ganhamos uma visão mais ampla do nosso panorama interno, e passamos a estar capacitados para escolher usar outros recursos emocionais e mentais que nos ajudarão a enfrentar a situação de desafio de nossas vidas. Ou seja, se estamos nos sentindo tristes, sem nem sabermos o porquê, e tomamos uma essência floral como a Mustard, do Sistema Floral do Dr. Bach, aos poucos, uma certa alegria e uma revivificação da esperança e da fé instalam-se em nossa personalidade. Assim a tristeza pode se diluir em contato com esta alegria que chega inundando-nos com sua luz ensolarada, que é associada à vontade de viver. Sair da depressão equivale a conectar-se de novo com a vida, renascendo de si mesmo, num movimento de transcendência da dor, que traz de volta o brilho ao olhar, e que ilumina todo o semblante.


Nenhum comentário:

Postar um comentário