30 de out de 2012

VOCÊ QUER TER PAZ DE ESPIRITO?



Oque você deseja Amor ou Paz de espírito?


Você, mulher moderna, quer amor ou paz de espírito? Sabe, nem sempre as duas coisas andam juntas. Ou ainda acredita em conto de fadas do amor perfeito?

Se está sozinha em sua casa, escutando um CD de música popular brasileira e não está namorando, ficará tranqüila. Por que? Não precisará se preocupar com o telefone. Toda mulher apaixonada fica de olho no telefone. Ah, você não? Claro que fica, minha querida!

Amando loucamente. Felicidade cor de rosa, mas sempre vem aquela dúvida cruel: 

"Será que ele me ama de verdade? Falou que ia ligar no dia seguinte e não ligou. Marcou um encontro e faltou."

Quando estão brigados, o telefone se torna um martírio.

Pensa:

"Eu vou ligar!" "Não! Ele vai ligar! Ele está errado, eu estou certa!"Passa horas comendo as unhas e olhando o telefone e ele parece rir de você. Silencioso. Mudo. Ou então é o danado do celular. De repente, um torpedo. Você corre pensando que é um torpedo de reconciliação. Não é! Espera um e-mail meloso , apaixonado. Nada! Aí, você vai chorar na cama que é lugar quente.

Amando , amando, amando. Bom, não? Os ciúme ataca qualquer relação aparentemente estável. Você se pega pensando: " O que ele estará fazendo agora? Será que é fiel?"

Amar é uma tortura sem fim. Uma história de amor está sempre começando. Há mistério sempre, para todo o sempre. Nunca estará segura, mulher. Quando está com ele no maior dos amassos você pensa: "Daqui a pouco ele vai embora". Deseja ficar grudada no homem o tempo todo como um carrapato. Como se isso fosse garantia de amor duradouro.

Não me venha com historietas de que amar é ser feliz! Como? Se vive uma história de amor com um desconhecido. Ninguém conhece ninguém. O outro é o outro! Cheio de defeitos. Mistérios. Dúvidas. Comportamentos bizarros.

Encontro maravilhoso, lua cheia, mas o homem está distante. Parece em outro mundo! Ah, você mulher, insegura, carente, fica cismando: "em que será que ele está pensando?" "Arrumou outra?"

Quando seu amor é chegadinho a bebidinhas alcoólicas, é um martírio daqueles! O homem aparece no encontro com bafo de onça. Tem certeza de que ele estava com os amigos, mas ele nega. Fala que bebeu só um pouquinho. Mente. Mente. Mente. Você finge que acredita porque ama esse homem.

E a cruel mancha de batom no colarinho ou na camiseta? Ele jura de pés juntos que não sabe como aconteceu porque estava numa reunião de escritório. 

Você, mulher aflita e sofredora, mexe no celular dele. Intrometida. Quem procura, acha! Acha mesmo um número estranho na agenda do celular. A mão coça e o que faz? Liga para o número para saber quem é. Nossa, que sofrimento atroz!

E vem me dizer que amar é ter paz de espírito! Mesmo os grandes amores passam por fases difíceis e de muito sofrimento. O amor não é um lago tranqüilo, mas um oceano turbulento. 

Quando você está na praia brincando despreocupadamente, lá vem uma onda gigante. De repente, pode passar uma tsunami. Principalmente, quando ele troca você por outra. Ah, sua vida virá um caos! Você se sente feia, infeliz, a coitadinha. Demora um tempão para recompor a vida por causa de uma traição.


Seu homem é bonito? Um pedaço de mau caminho? Muito mais jovem do que você? Paz de espírito e homem bonito? Impossível, querida! Como está sua segurança e auto-estima? Se ela estiver sob controle, quem sabe..Mesmo assim, procure manter seu homem bonito longe das suas amigas fiéis.Isso é muito perigoso! Elas podem atacá-lo de forma velada. Algumas amigas não são confiáveis. 

Se você engordou uns quilinhos e está se sentindo feia, sua paz de espírito já foi embora há muito tempo! Principalmente, se na hora do rola , rola ele diz : "Querida, você engordou, hein?" Paga o preço?

Homens! Homens! Homem e paz de espírito não combinam nem um pouco, minha cara!

Quando o namoro está firme, você inventa. Quer casar de véu e grinalda e o homem não se resolve. Os pais questionam. Quer casar e pronto!

Se já está casada precisa manter a chama sempre acesa, mas você só tem vontade de dormir. Dorme de camiseta. Faz muito tempo que o desejo foi embora , porque seu homem também dorme de pijama velho. Não é um grande sofrimento, mas o tédio da rotina, acabam com sua paz de espírito. 

Tudo está bem, mas agora,você quer morar junto. Ele não! Fica cheia de dúvidas.

 Está me achando pessimista e frustrada? Não! Sou a Verinha Verdadeira. Só falo a verdade nua e crua!

Escolha: amor ou paz de espírito? Quer os dois? Impossível!

Vou lhe dar um conselho. Quando um homem entrar na sua vida, prepare-se! Sugestão: um kit muito forte de auto-estima, amor próprio e segurança. Faça meditação e olhe para o espelho todos os dias e se sinta maravilhosa. Isso! Homem entrando na vida de uma mulher carente : perigo à vista!
Se você se basta , encare a figura!

O amor é uma montanha russa! Às vezes, dá frio na barriga e um prazer estonteante. No entanto, pode causar enjôos e tontura também.

 Torço para que se dê bem! 

Dizem os filósofos que a paz de espírito está dentro da gente. Mas essa palavra não está no vocabulário de quem ama. Não está mesmo! Mas você pode conviver muito bem com essa oscilante e mágica emoção do amor. Desde que não seja uma tonta bobona!

Não alimente o medo e nem a ansiedade. Ame você! Tá careca de ouvir isso, não? 

Escolha o amor, mas se prepare para as intempéries, porque a vida é assim. Tudo tem um preço, minha cara!

E que o amor seja eterno enquanto dure, como disse o saudoso Vinícius de Moraes.


Nenhum comentário:

Postar um comentário